sábado, 27 de novembro de 2010

A noite está terminando

Que a graça do Senhor Jesus Cristo, o amor de Deus e a presença do Espírito Santo estejam com todos vocês! (2Co 13.13).

Sl 122 / Is 2.1-5 / Rm 13.8-14 / Mt 24.36-44

A noite está terminando

Queridos irmãos em Jesus.

Glória a Deus nas maiores alturas do céu! E paz na terra para as pessoas a quem ele quer bem!

E que a paz do Senhor esteja com todos vocês. Amém.

Hoje, lemos, entre os outros textos, Romanos 13, onde Paulo faz uma série de recomendações aos cristãos que viviam em Roma por volta do ano 100 depois de Cristo.

Naqueles dias, muitos cristãos estavam em dúvida sobre como viver a vida depois de ter sido convertido. Precisavam de orientação para saber agir frente aos fatos da vida. O apóstolo, instruído pelo Espírito Santo ensina a eles e hoje também ensina a cada um de nós.

Com toda humildade de um servo de Cristo, mas também com toda a autoridade que Deus confere aos seus pastores Paulo adverte aos cristãos de como deve ser a vida deles.

Por todo o livro aos Romanos, o apóstolo falou de tudo o que Jesus Cristo fez. De como ele foi fiel e venceu a morte. De como ele suportou todos os sofrimentos para salvar as pessoas da condenação eterna. Lembrou também que, sem Jesus, nossa vida e nossa fé seriam inúteis. É a obra de Jesus Cristo que nos dá a esperança da vida eterna.

Romanos nos lembra também que todas as pessoas são culpadas e nenhum ser humano tem desculpas diante de Deus. Precisa reconhecer e, arrependido, ir a Jesus para receber o perdão.

Paulo conhecia textos como os do Salmo 51.5: “De fato, tenho sido mau desde que nasci; tenho sido pecador desde o dia em que fui concebido.”

Sabendo que somos pecadores, precisamos cada vez mais olhar para Jesus Cristo, pois só dele depende a nossa salvação. E não há outro meio. Só Jesus Cristo salva. E ele vem novamente neste Advento, nos lembrar que veio salvar a todas as pessoas, pois todas as pessoas que creem em Jesus serão salvas.

Com a certeza da salvação em mente, o apóstolo diz a nós: “Vocês precisam fazer todas essas coisas porque sabem em que tempo nós estamos vivendo; chegou a hora de vocês acordarem, pois o momento de sermos salvos está mais perto agora do que quando começamos a crer.” (Rm 13.11).

Procurem viver como cristãos! A cada dia de sua vida. Como se fosse a última oportunidade, pois pode ser mesmo.

É isto que Paulo alerta. Não deixem para fazer o que é certo amanhã, porque amanhã pode ser muito tarde.

Estamos vivendo os tempos do fim. E cada vez mais eu tenho certeza disto. Mesmo que não fossem os últimos dias deste mundo, ainda podem ser os últimos dias de nossa vida aqui neste pedaço de chão.

Deus nos fala: “A noite está terminando, e o dia vem chegando. Por isso paremos de fazer o que pertence à escuridão e peguemos as armas espirituais pra lutar na luz.”

A noite está terminando.

raiar do sol na cruzImaginem alguém que passa a noite inteira cuidando de alguém outro num hospital. Aquela pessoa precisa ser atendida a todos os momentos, pois pode ser que morra repentinamente. Aí precisamos ficar com os olhos bem abertos, acompanhando a pessoa doente, os aparelhos, as reações, os conselhos dos médicos e enfermeiros...

Além do cansaço físico, existe toda a angústia de saber que a vida da outra pessoa depende da nossa atenção. Que se nós cochilarmos pode ser que a pessoa morra. Isso traz cansaço mental.

Imaginem fazer isso por uma semana inteira. Ou por um mês inteiro. No fim, a pessoa que cuida estará desmaiando de cansaço.

Agora imaginem esta situação pela vida inteira. Sempre preocupado com o que vai acontecer se eu cochilar. É neste estresse que o cristão vive. Sabendo que a qualquer momento o senhor vem, precisamos vigiar sempre.

Qual a melhor notícia para alguém que precisa cuidar de um doente? É saber que ele melhorou e pode voltar pra casa.

Assim é a nossa vida. Precisamos vigiar sempre, especialmente sabendo que a noite está terminando.

O dia já vem raiando e com ele, Jesus quer renovar as esperanças. E naquele último dia, quer levar todos à vida eterna. Por isso que Deus nos alerta: Vivam “decentemente, como pessoas que vivem na luz do dia. Nada de farras ou bebedeiras, nem imoralidade ou indecência, nem brigas ou ciúmes. Mas tenham as mesmas qualidades que o Senhor Jesus Cristo tem e não procurem satisfazer os maus desejos da natureza humana de vocês.” (Rm 13.13-14).

Procurem viver diariamente a fé em Jesus Cristo. E Deus estará com vocês sempre. Ele nunca abandonará aqueles que procuram a sua ajuda.

Veja que lindas as palavras do Salmo 50.15): “Se me chamarem no dia da aflição, eu os livrarei, e vocês me louvarão.” Vocês já tiveram dias de aflição... Foram libertados... Novos dias de aflição virão ainda pela vida de vocês, mas nunca desistam de seguir Jesus Cristo. Se com Deus a vida já não é fácil, imaginem se não tivéssemos a presença de Deus em nossas vidas...

E quando a noite desta vida estiver terminando, será um tempo de muita aflição. Por isso invoquem sempre o Senhor e ele os socorrerá. Ele os levará para a vida eterna, onde a presença de Deus nos alegrará por toda a eternidade.

Pois naquele dia eterno, todos os que creem em Jesus Cristo, estarão na vida eterna. Amém.

E a paz de Deus, que ninguém consegue entender, guardará o coração e a mente de vocês, pois vocês estão unidos com Cristo Jesus. Amém. (Fp 4.7)

Pastor Jarbas Hoffimann – Nova Iguaçu-RJ

Soli Deo Gloria