quinta-feira, 4 de fevereiro de 2016

Por que memorizar o Catecismo Menor?







































O Catecismo Menor não é apenas informação. Não é teologia sistemática. O Catecismo menor não simplesmente diz alguma coisa qualquer. O Catecismo faz algo. E faz isto para nós.
Os subtítulos em um livro o resumem. John Nicholas Lenker deu a seu livro, Escritos Catequéticos de Lutero um primeiro subtítulo:
O CHAMADO DE DEUS AO ARREPENDIMENTO, FÉ E ORAÇÃO

Seu segundo subtítulo é:
O PLANO DE SALVAÇÃO DA BÍBLIA EXPLICADO POR LUTERO

O Catecismo nos chama ao arrependimento. Ele nos chama a crer. Ele nos chama a orar.
Depois do ministério Pastoral de Palavra e Sacramentos, o Catecismo e a Liturgia são os compromissos mais recorrentes dos crentes com as verdades da Escritura, que são capazes de fazer alguém, desde a infância, ter “a sabedoria que leva à salvação, por meio da fé em Cristo Jesus.” (2Tm 3.15)
Joseph Stump disse: “Catequização… não deve ser uma simples instrução intelectual, mas treinamento para a vida cristão de fé.”
Albrecht Peters escreveu:
O catecismo basicamente. … Deseja tornar central a Escritura… fecunda para a vida diária. Ao fazer isto ele enraíza profundamente em nós o que é decisivo na vida e na morte para nossa salvação. … Uma vez ou outra ele nos impressiona pelo fato desta verdade ser tão pequena e ao mesmo tempo este “pequeno” ser infinito.

Em sem prefácio para o Catecismo Maior Lutero falou sobre os muitos pastores e teólogos que eram preguiçosos quanto ao uso do Catecismo. Por seu exemplo, eles levavam o povo também à preguiça. E assim Lutero deu razões ainda maiores da necessidade de ler o Catecismo, memorizá-lo, recitá-lo, e orar usando o catecismo. Lutero disse:
Mas para mim mesmo eu digo isto: eu também sou um doutor e pregador, sim, tendo aprendido e experimentado como todos aqueles podem ter tal presunção e segurança; eu ainda me faço como criança que está sendo ensinada no Catecismo, e a cada manhã, e sempre que eu tenho tempo, eu leio e digo, palavra por palavra, os Dez Mandamentos, o Credo, a Oração do Senhor, os Salmos, etc. E eu devo estudá-lo diariamente, mesmo assim, ainda não posso dominá-lo da forma que desejo, mas devo manter-me uma criança e aluno do Catecismo, e estou feliz por manter-me assim.”


O Catecismo mantém o ensino. Ele continua chamando ao arrependimento, fé e oração. Ele é uma mina com metais precisos que nunca pode ser completamente esgotada. É por isso que devemos memorizá-lo. Como Deus tem poder sobre as palavras do Catecismo, a Palavra de Deus ganha poder sobre nós, e nós recebemos tesouros inesgotáveis de arrependimento, fé e oração.

Tradução feita de um artigo publicado originalmente em: http://lutherancatechism.com/2016/02/why-memorize-the-catechism/

Tradução de Jarbas Hoffimann